25 de abr de 2010

Reflita.... qual é o buraco em sua vida?



Pessoal encontrei esse texto em um dos e-mails que recebo com várias matérias sobre todos os assuntos relacionados ao "universo holistico", vi nele toda a complexidade de uma vida descrito em poucas palavras, e esse texto me fez refletir sobre quais são os buracos que eu sempre caio e também se já não esta na hora de desviar deles, pegar outro caminho. Espero que esse texto toque o coração de vocês e acenda uma luz em suas vidas, para que possam também mudar de caminhos!

Um grande beijo na alma!

AUTOBIOGRAFIA EM CINCO CAPÍTULOS

1. Ando pela rua.
Há um buraco fundo na calçada.
Eu caio... Estou perdido... Sem esperança.
Não é culpa minha.
Leva uma eternidade para encontrar a saída.


2. Ando pela mesma rua.
Há um buraco fundo na calçada.
Mas finjo não vê-lo.
Caio nele de novo.
Não posso acreditar que estou no mesmo lugar.
Mas não é culpa minha.
Ainda assim leva um tempão para sair.


3. Ando pela mesma rua.
Há um buraco fundo na calçada.
Vejo que ele ali está.
Ainda assim caio... É um hábito.
Meus olhos se abrem.
Sei onde estou. É minha culpa.
Saio imediatamente.


4. Ando pela mesma rua.
Há um buraco fundo na calçada.
Dou a volta.

5. Ando por outra rua.


(Texto extraído de "O Livro Tibetano do Viver e do Morrer" - Sogyal Rinpoche - Editora Talento/Palas Athena).

Nenhum comentário:

Postar um comentário